A energia que precisamos poderia ser importada da Lua

moon_energy

A Shimizu Corporation, empresa japonesa de construção, arquitetura e engenharia, apresentou um conceito de captação de energia que utiliza uma grande estrutura de paineis solares, chamada LUNA RING, para capturar energia e poderosas antenas para transmiti-la à Terra em forma de microondas e lasers de alta densidade de energia. A expectativa da empresa é que o LUNA RING seja capaz de gerar 17 gigatons de energia por volta de 2030, o que eliminaria a necessidade de carvão, óleo e biomassa para produção de energia.

A ideia é construir um cinturão de 11.000 km de células solares ao redor do equador da Lua, que está constantemente exposto à luz solar. A energia solar capturada pelas células seria transformada em eletricidade e levada ao centro de transmissão, que ficaria localizado no lado da Lua que é mais próximo ao nosso planeta. Nesse ponto, há dois tipos possíveis de envio: microondas ou lasers de alta densidade de energia. Já na Terra, seriam construídos receptores para os dois formatos de transmissão. Finalmente, nesses pontos de recepção, a energia seria transformada em eletricidade e utilizada.

luna_ring
LUNA RING: cerca de 11.000 km de comprimento e larguras variando até 400 km.

O conceito é bastante ambicioso e exige a construção de estruturas colossais, que, mesmo se construídas na Terra, já seriam obras monstruosas. O LUNA RING, por exemplo, possuiria 11.000 km de comprimento. Para se ter uma ideia, isso é pouco mais que a metade do comprimento da grande muralha da China, que possui cerca de 21.000 km. A empresa antecipou que as obras poderiam ser feitas por robôs controlados daqui da Terra, 24h por dia. A matéria-prima seria em parte enviada da Terra e o restante seria retirada dos recursos da Lua.

Resta esperar para ver se a ideia sairá do papel.

David Borges

Um dia... Boom! Dragão sem Chama.

3 thoughts to “A energia que precisamos poderia ser importada da Lua”

    1. Deixa eu pensar… Digamos que temos 11.000 km de comprimento e 400 km de largura em todo aquele LUNA RING. Isso daria 4.4 milhões de quilômetros quadrados ou 4.4 trilhões de metros quadrados. Se o preço médio do metro quadrado de paineis solares fosse 1 dólar, o preço aproximado do LUNA RING seria 4.4 trilhões de dólares? This is madness!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *